Review – Rocket Fist (Switch/PC)

rocketfist_capa

Jogo #7 da limpeza de backlog.

Se eu tivesse que descrever Rocket Fist em uma só sentença, diria que é um jogo de queimada entre robôs para até quatro jogadores.

Este título me chamou a atenção quando foi lançado para o Switch, em agosto de 2017. O eShop do Switch ainda não tinha muita coisa e este foi o primeiro jogo brasileiro a aparecer nele. Somando isso ao fato de que estava em promoção por volta de 5 doletas, foi uma aquisição fácil.

Com apenas dois botões e mecânicas bem simples, Rocket Fist é muito fácil de entender, mas difícil de dominar, à medida que os adversários (IA ou outros jogadores) vão ficando bons. Você controla um pequeno robô em uma arena fechada, que é capaz de disparar um punho mecânico para destruir os adversários. Ao disparar o punho, é preciso recolhê-lo novamente, ou correr o risco de perdê-lo para um adversário.

rocketfist_01

Utilizando ricochete do punho nas paredes de diferentes ângulos, a distância do projétil e uma impulso (à la dash de Towerfall), é possível neutralizar os ataques inimigos, desde que executado no tempo certo, e também roubar o punho deles. Ainda é possível deixar os adversários tontos, atingindo-os com um impulso ou após morrer e aparecer no “Revenge Rail”, uma espécie de trilho por onde seu fantasma pode percorrer as bordas da arena, atrapalhando os robôs vivos.

Isso é tudo que há para fazer em Rocket Fist. Embora pareça pouco, é uma experiência multiplayer bastante divertida, muito rápida e com grande potencial de replay.

Há também um modo campanha/single-player, com algo em torno de 20 fases. Mas Rocket Fist é obviamente um jogo pensado e balanceado para o modo de múltiplos jogadores. Isso fica evidente pela simplicidade da história e da IA dos adversários, tudo feito por um só desenvolvedor, Daniel Snd.

O outro único desenvolvedor do jogo, Thiago Adamo, foi responsável por todos os efeitos sonoros e músicas. E é aí que o jogo tem destaque. A trilha é bastante agradável e os efeitos são muito bem escolhidos. Em um jogo onde tanta coisa acontece ao mesmo tempo, é muito fácil ter efeitos demais, barulho demais e não se entender nada do que está acontecendo. Isto não acontece em Rocket Fist.

rocketfist_012jpg

Fica a recomendação para quem quer um jogo simples de aprender e com profundidade suficiente para entreter quatro jogadores por algumas horas. Se pegar o jogo para o PC perde a portabilidade/facilidade de levar para os lugares e jogar com os amigues, mas a versão para computadores é compatível com SteamWorks e possui um editor de fases.

Para começar este review como começou e deixar a recomendação em uma só sentença, diria que Rocket Fist é o jogo ideal para partidas competitivas rápidas no seu switch com até 3 amigos, para quando enjoar do coop de Overcooked e enquanto não sair TowerFall para o console.

Rocket Fist

Lançamento: Maio de 2016
Gênero: Ação, Arcade
Plataformas: Nintendo Switch, Windows, MacOS e Linux

Me adiciona aí nos joguinhos:

Steam ID: luizcavalcanti
Switch Friend Code: 4378-5362-3706